Admin
 marca fenata botao mail botao face  botao engrenagem  CSB

Instituto Agropecuário do Brasil (INTAGRO)

Ao longo de sua história, os dirigentes da FENATA perceberam a importância da formação continuada de seus associados. Isso porque o curso de graduação é somente a primeira etapa: acreditamos que o profissional está sempre em formação - seja com a vivência no mercado de trabalho, seja através de novos cursos e especializações.

As atribuições dos Técnicos Agrícolas são as definidas especialmente na legislação da categoria. A lei é que define as atribuições, e não a base curricular, como pretendem os detratores de nossa profissão. Entretanto, a formação é a primeira e a mais importante forma de destacar os associados nas atividades que exercem, a partir do aprimoramento de métodos e práticas.

A partir disso, em 2008, em Natal (RN), durante a realização do XXIV Encontro Nacional dos Técnicos Agrícolas, decidiu-se por unanimidade a estruturação do Instituto de Formação Profissional da FENATA. A proposta era a de realizar cursos para os Técnicos Agrícolas pelo método de Educação à Distância.

 

Reforma Institucional

Com o tempo, as principais lideranças nacionais da entidade concluíram pela reformulação do Instituto. A proposta original, ao ser colocada em prática, infelizmente não atendia as pretensões e necessidades do universo de profissionais e do setor agropecuário. Essa necessidade de prestar diversos serviços e cursos aos profissionais (e por extensão, aos produtores agropecuários) de maneira eficiente foi determinante para alterar o formato da organização.

Surgiu então o Instituto Agropecuário do Brasil (INTAGRO), no XXVIII Encontro Nacional dos Técnicos Agrícolas, ocorrido em 2012, na cidade de São Luiz (MA).

O Estatuto do INTAGRO consigna, em seu artigo 1º, seus três cursos de ação:

1- Desenvolver cursos de formação e qualificação profissional;
2- Providenciar serviços de assistência técnica e extensão rural para os produtores agropecuários; e
3- Promover certificação de produtores, produtos e subprodutos oriundos da atividade agropecuária.

Para executar os seus objetivos, o INTAGRO trabalha para firmar convênios e parcerias com o poder público, empresas privadas, organizações nacionais e internacionais.